Qual patins quad comprar? Inclui análise pessoal dos patins Oxer Secret Suede

05 dezembro


Diariamente, um monte de gente me pede recomendação sobre quais patins comprar. E a primeira pergunta que eu faço é "qual o seu objetivo na patinação?". Quando alguém quer patins para fazer aulas de alguma modalidade, eu até dou algumas dicas, mas peço sempre que a pessoa busque orientações com seu futuro professor, que vai dizer exatamente do que o atleta vai precisar de acordo com seu peso e nível no esporte. No entanto, a maioria responde que vai usar os patins para lazer. Aí eu parto para a segunda pergunta... "Quanto você está disposto a gastar em um par de patins?"

Não adianta comprar quaisquer patins, só porque estão super baratos, e ter seu aprendizado prejudicado por um equipamento ruim. Então resolvi fazer esse post para dar algumas dicas que vão te ajudar a fazer a escolha certa, de acordo com o quanto você quer pagar. E a primeira delas é: Patins de brinquedo jamais! Evite o plástico, que quebra rápido e não te deixa evoluir bem.


O ideal é que você escolha um que tenha uma bota durinha, que vai segurar firme o tornozelo, mas que seja acolchoada por dentro pra te dar conforto ao patinar por muitas horas. A melhor base é a de alumínio, que é bem durável e você vai poder pular à vontade, mas algumas bases de nylon reforçado também seguram bem o tranco e não quebram à toa. Em relação ao freio, escolha um que seja regulável, tipo o da foto aí de cima, pois o parafuso permite que você aproxime mais a borracha do chão e não tenha que virar tanto o pé na hora de frear. E sobre as rodas, eu sempre recomendo que você escolha as de "gel" (que não é bem gel de verdade, mas é chamado assim), ou uma boa de polipropileno, pois quanto mais macia, melhor para andar em pisos ásperos e irreg  ulares, como asfalto.

Seguindo esses padrões, vou listar a seguir os modelos que costumo recomendar para quem me pergunta. É claro que existem outros patins ótimos no mercado que talvez eu tenha deixado de citar nesse post, mas os patins abaixo são os que eu compraria se tivesse que escolher um par nesse momento. E é lógico que tudo isso que eu disse não é verdade absoluta, até porque talvez outras pessoas tenham se adaptado muito bem com algum que não tenha essas especificações, mas esta é a minha opinião pessoal sobre quais patins eu acho que tem um melhor desempenho.

Até R$ 499,00:

Oxer Secret Suede


É o quad top de linha da Oxer. Feito de camurça, está disponível nas cores rosa e azul com rodinhas com glitter. Além de lindo, ele cumpre bem todas as recomendações que eu expliquei no texto lá em cima: A base é de alumínio, o freio regulável e as rodinhas de gel são muito macias. Ele também tem esses ganchinhos na bota que ajudam a segurar melhor os cadarços.

Análise pessoal:

Eu experimentei e gostei bastante. A bota é durinha, mas achei a parte superior, onde amarramos, um pouco mole, mas nada que você não resolva dando um laço firme. Ele desliza bem e é muito confortável, mas como eu andei somente dentro da loja, é preciso verificar se também dá para andar bem no asfalto. Dica importante: a fôrma é grande, então não precisa comprar um número a mais caso seus pés sejam largos, pode comprar do tamanho do seu calçado mesmo.

Disponível no site e nas lojas físicas da Centauro.


De R$ 500,00 a R$ 699,00:

Traxart Glitter



Esse modelo da Traxart também tem a bota de camurça com várias cores diferentes. Tem roxo, azul turquesa (meu preferido), rosa claro (quase bege), preto e rosa chiclete. Apesar do nome dos patins, as únicas rodinhas que tem glitter mesmo são as do preto e do rosa chiclete, mas todas são lindas e tem um desempenho maravilhoso no asfalto. A base dele é de alumínio e a bota é bem firme. Na minha opinião o único problema é o freio, que são é regulável. :/

Disponível no site da Traxart e em muitas lojas de shopping.


Rye Stilo



A Rye é especializada em patins profissionais para patinação artística, mas também tem uma linha mais simples, para lazer. O modelo Stilo tem botas muito confortáveis nas cores preto, branco e também com estampas estilosas. Vem com rodas apropriadas para piso liso, que servem para andar em quadras e parques.  O freio é regulável, mas a base não é de alumínio como parece, é de fibra reforçada pintada de prata. Eu tenho um desse de unicórnio e morro de amores por essa estampa. <3


De R$ 700,00 até R$799,00:

Rye  Xtreme

 O Segundo modelo de lazer da Rye, o Xtreme, tem características parecidas com o citado anteriormente, mas é um pouco mais caro. O que muda é que ele vem com essas rodinhas verdes, feitas para andar em pisos mais ásperos (bom para asfalto), pois são maiores e mais macias. A bota tem detalhes e estampas diferentes, e é tão confortável quanto a bota do Stilo.



Acima de R$ 800,00:

Patins Chaya



O Chaya é de uma linha de quads da marca gringa Powerslide. Esse modelo, mais parecido com os patins de artística está fazendo sucesso nas lojas brasileiras. Ele é muito confortável e tem rodas maravilhosas para andar na rua. O freio é regulável e a base é de nylon reforçado. Todos os meus amigos que tem elogiam demais. Está disponível em alguns sites como o Rolling Sports, por exemplo, nas cores rosa, roxo, caramelo, jeans preto e jeans azul.

Espero que tenha gostado das dicas. Comente aqui em baixo, qual desses patins você tem ou compraria? Ah, e se comprar algum desses modelos, ou qualquer outro, me conta o que você achou e posta foto com a hastag #PatinadoraPop no Instagram. :)

Veja também

0 comentários

Obrigada pelo seu comentário! ♥

Patinadora Pop Store

Youtube